free web counter
soniasanciolandrith.art.br
Quando eu escrevo posso mostrar meu modo de ser.
CapaCapa TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios
Áudios

Ferir Não Devo
Data: 10/07/2010
Créditos:
Autora : Soneto de Edir Pina de Barros
"Ferir não devo" - gravação autorizada
-----------
- "Escolher ser bom ou ruim é uma escolha. Eu optei por ser boa." - Sunny Lóra

Gravado com Audacity, musica de fundo "Nocturne", Andre Gagnon

Agradecimentos à Flor do Cerrado, Escritora Edir Pina de Barros

Ferir não devo
 
Ferir não devo aquele que me fere,
que crava em mim a dura e fina garra
e, com prazer, na minha face escarra,
e sobre mim somente fel desfere.
 
Não devo permitir que vença, impere,
esse ódio cascalhento, qual piçarra,
beber do fel que existe nessa jarra,
embora tanta dor me dilacere.
 
Aquele que nos fere nunca pensa,
que asperge em sua volta seu veneno,
semeia no seu chão só dor, tristeza.
 
Quem n’alma traz tamanha malvadeza,
e sabe ser somente vil, pequeno
escreve com seu fel sua sentença.
 
Brasília, 07 de Julho de 2010
ESTILHAÇOS, p. 88
Enviado por Edir Pina de Barros (Flor do Cerrado) em 07/07/2010

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.



Comentários